7 dicas de Marketing para Delivery

O momento é de pensar em estratégias para fazer o negócio aparecer, continuar girando e tentar atender aos clientes com excelência.

O delivery se tornou uma estratégia essencial para manter os negócios funcionando durante a pandemia. Mais do que um serviço de entrega de produtos, ele entrega experiência – e é isso que muitas empresas ainda relutam em investir.  

Muitas marcas tiveram que pensar em novas estruturas de trabalho e na logística de seus colaboradores de repente e pouco planejaram as ações.  

Para quem não estava habituado a isso, foi preciso se adequar em pouco tempo – um grande desafio que poderia custar a reputação da empresa: um atendimento ruim poderia mais afastar do que atrair clientes.  

Para que isso não ocorra é necessário utilizar estratégias de Marketing para fazer o negócio aparecer e se sustentar seja qual for a condição do mercado. 

Veja abaixo algumas boas práticas para quem atua com delivery indicadas por Talita Scotto, diretora da Agência Contatto

Conheça o cliente 

Uma simples análise de dados dos últimos pedidos pode fornecer informações importantes sobre o cliente: hábitos de consumo, horários de maior pedido, qual item sai mais, se utiliza as redes sociais ou se possui filhos.  

Toda essa análise ajudar a traçar uma estratégia de ofertas. Também é preciso pensar em localidade de entregas para também se aprofundar em saber quem é o consumidor daquela região.  

Elaboração de estratégias de Marketing 

Após saber quem é o cliente é preciso elaborar as estratégias para atender com excelência. Para isso é preciso trabalhar todos os pontos de contato da empresa, desde o cartão de visitas ou panfleto até um site ou redes sociais, incluindo o cardápio.  

O trabalho de recursos humanos também deve estar inserido nesse momento, pois um treinamento de funcionários sobre atendimento e vendas conta tantos pontos quanto uma boa comunicação.  

É muito importante que todos eles sejam atualizados com frequência, mantendo o interesse do consumidor – toda novidade tende a criar expectativas. A cada atualização haverá uma nova chance de se aproximar do cliente. Além disso, considere previamente as promoções e descontos.  

Se a empresa ainda não está nas redes sociais ou está de uma maneira muito “apagada”, o momento agora é de investir marketing para delivery e ter as redes sociais como uma grande aliada. Facebook, Instagram e Twitter podem ser bons canais para divulgar seu negócio, além de ser também uma opção de atendimento e de criação de promoções, por exemplo. 

Criar campanhas de fidelidade pode ser outra maneira de conquistar clientes. Seja qual for o formato do negócio, é possível oferecer promoções do tipo: a cada 10 itens comprados o 11º é grátis, descontos progressivos, na compra do produto X o Y sai com 10% de desconto, e assim por diante. Campanhas e promoções recorrentes ajudam a movimentar o seu negócio. 

Criação de processos 

Antes de iniciar o delivery estabeleça como ele funcionará, ou seja, qual será a área de atendimento, bairros de atuação ou até quantos quilômetros de distância a empresa está determinada a atender. Isso será essencial para estipular valores corretos de entrega e, claro, pensar em investir na experiência do cliente. Além disso, com o processo definido, a marca conseguirá ter mais clareza sobre horários de funcionamento do delivery, quantidade de profissionais que precisará e a capacidade de atendimento. 

Atendimento por WhatsApp 

Rápido e eficaz, não tem como falar de Marketing para delivery sem citar o WhatsApp. Ele é uma ótima ferramenta para agilizar atendimento e facilitar a comunicação com o cliente. Ter um número no WhatsApp Business vai permitir ainda profissionalizar mais o atendimento, como cadastrar respostas automáticas e estabelecer horários de funcionamento da sua empresa. Outra vantagem é ter o número cadastrado no site do negócio com um link direto para o telefone. Desta forma, o atendimento se torna prático e rápido. 

Marketing de Conteúdo 

Gerar conteúdo na internet pode ser outra vantagem estratégica para o negócio. Não é necessário falar o tempo todo sobre delivery, mas abordar temas relacionados ao negócio, por exemplo, pode atrair novos clientes. Por isso, é relevante criar postagens sobre gastronomia caso o negócio seja um restaurante. Um exemplo de como gerar informação qualificada: dicas de pratos, combinações de bebidas – sempre deixando a opção de delivery como forma de entrega. Sem dúvida, ter uma produção de conteúdo constante é uma das ferramentas de Marketing essenciais. 

Faça anúncios 

Publicidade e campanhas patrocinadas na internet nunca devem ser deixadas de lado. Google Ads (campanha de links patrocinados), Facebook Ads e Instagram Ads são opções acessíveis para gerar tráfego para o delivery. Por meio de investimentos baixos, mas frequentes, pode-se conseguir criar anúncios, segmentar o público que deseja atingir e ainda fazer com que apareça apenas no raio de atuação do negócio (campanhas geolocalizadas). 

Boas fotos 

Tenha fotos profissionais ou ao menos bem tiradas para divulgar o seu negócio. Uma foto malfeita, sem resolução ou poluída pode passar uma imagem amadora da empresa. Por isso, ter imagens exclusivas e que transmitam o que o negócio é, de fato, uma das estratégias de delivery mais eficazes – seja na mídia impressa ou online. 

Fonte: Mundo do Marketing

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp